Enem 2018

Enem 2018: Treineiros

31 de Janeiro de 2018
Enem 2018: Treineiros
Faça sua avaliação!

Enem 2018: Treineiros, que são os estudantes que ainda não estão na terceira série do Ensino Médio; e não poderão aproveitar as notas do Exame para o Sisu, Fies, Prouni ou para ingresso nas universidades portuguesas.

Treineiros – Inscrições

As inscrições para os participantes do Enem 2018, que irão realizar as provas como Treineiros, serão realizadas no mesmo endereço eletrônico dos demais participantes, http://enem.inep.gov.br/inscricao.

Os interessados deverão informar o número do seu CPF e sua data de nascimento. Porém antes de se inscrever como Treineiro o participante deve verificar se:

-Possui menos de 18 anos na data do primeiro dia de provas do Enem 2018;

-Não está  cursando o último ano do ensino médio em 2018.

Enem 2018 Treineiros

As provas realizadas pelos Treineiros no Enem 2018 são simulados elaborados com base nas avaliações oficiais do Exame. Elas servirão apenas para que os estudantes testem seus conhecimentos; além de se familiar com o Exame oficial. As avaliações também são elaboradas pelo INEP, que é o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira.

Os Treineiros como os demais participantes do Enem 2018 terão que responder a 180 questões de múltipla escolha; que são divididas nas quatro áreas de conhecimentos do ensino médio, (Linguagens e Códigos, Ciências Humanas, Ciências da Natureza e Matemática).

Para que o simulado fique mais real, os Treineiros realizarão as provas juntos com os demais participantes do Enem 2018 e seguirão as mesmas regras. As provas serão aplicadas em dois domingos, como na edição de 2017.

Os Treineiros deverão chegar aos locais de aplicação das provas do Enem 2018 com no minimo 1 hora antes do início das avaliações. Mesmo que seja apenas para testar os conhecimentos e se acostumar com o Enem; os Treineiros que chegarem atrasados não serão impedidos de realizar as avaliações.

Enem: como utilizar suas notas?

Conforme edital do Exame, as notas do Enem são utilizadas para várias finalidades, como especificadas abaixo:

1-Bolsa de Estudos ProUni – Programa Universidade para Todos

Conforme edital, as notas do Enem servem para entrar no Programa Universidade para Todos (ProUni), uma iniciativa do Governo Federal que concede bolsas de estudos parciais e integrais em faculdades particulares para quem ainda não tem um diploma de nível superior.

O ProUni acontece duas vezes ao ano, no início do primeiro e segundo semestres. Para se inscrever, é obrigatório ter feito o Enem no ano anterior e ter um bom desempenho no Exame: pelo menos 450 pontos nas provas objetivas e nota maior do que zero na redação.

Quanto maior a nota do Enem, maiores são as chances de conseguir uma bolsa em faculdade particular pelo ProUni. O processo seletivo classifica os candidatos exclusivamente pela nota do Enem, preenchendo as vagas com aqueles candidatos que obtiveram as maiores notas no Exame e concorrem a uma vaga no mesmo curso e faculdade.

O ProUni tem ainda requisitos de renda e escolaridade, entre outros. O processo é gratuito e as inscrições são feitas pela Internet, usando o mesmo número de inscrição e senha do Enem.

2- Sisu, Sistema de Seleção Unificada

As notas do Enem servem para participar do Sistema de Seleção Unificada, um programa do Governo Federal que classifica candidatos a uma vaga em universidades públicas utilizando somente a nota do Enem, sem a necessidade de fazer o Vestibular Tradicional.

O Sisu acontece duas vezes por ano, no primeiro e no segundo semestre. Não tem limite de renda para participar, mas o candidato precisa ter feito o Enem no ano imediatamente anterior e não pode ter zerado na redação. As universidades participantes podem determinar notas mínimas para ingresso em seus cursos de graduação.

As inscrições para o Sisu são gratuitas e são realizadas na página do MEC.

3-Financiamento Estudantil – FIES

O FIES é um financiamento do Governo Federal que auxilia no custeio de um curso de graduação na faculdade de iniciativa privada. O Fies passou por várias reformulações para 2018.

Para se inscrever no FIES é obrigatório também cumprir o requisito de renda familiar, além de participar do Enem e obter  nota igual ou superior a 450 pontos e nota maior que zero na redação.

Enem: Outras finalidades 

Complemento do Vestibular

Algumas universidades, principalmente públicas, utilizam as notas do Enem para complementar a nota do Vestibular.

As regras e critérios de seleção variam bastante entre as instituições. De maneira geral, se o candidato for bem no Enem pode usar essa nota junto com o Vestibular Tradicional para melhorar sua pontuação e; assim, aumentar suas chances de conseguir uma vaga no curso dos seus sonhos.

Substituição ao Vestibular

Em alguns vestibulares, a nota do Enem pode substituir completamente as provas do Vestibular. Basta apresentar seu desempenho e, caso ele esteja dentro dos critérios exigidos pela universidade, é só efetivar a matrícula.

Tal substituição acontece frequentemente em faculdades privadas e as notas mínimas variam de acordo com a instituição.

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply

Show Buttons
Hide Buttons